escuro

Câmara para a indústria 4.0

O governo anunciou, na semana passada, a criação da Câmara Brasileira da Indústria 4.0 para fazer a integração das políticas públicas federais de fomento à indústria 4.0, manufatura avançada e internet das coisas.

Segundo Carlos da Costa, secretário Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, o objetivo da câmara é concentrar esforços, otimizar recursos financeiros e profissionais para incentivar o desenvolvimento da indústria 4.0 no país.

A câmara terá cinco frentes: capital humano; cadeias produtivas e desenvolvimento de fornecedores; regulação, normalização técnica; infraestrutura; e investimentos.

A iniciativa reúne os ministérios da Economia e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), além de uma série de instituições. Na lista estão, por exemplo, ABDI, CNI, Finep, CNPq, BNDES, Sebrae e Emprapii.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share