Siga-nos

Estudo mostra de onde vêm respostas do Google Assistente

Assistentes de Voz

Estudo mostra de onde vêm respostas do Google Assistente

Um estudo da SEMrusch apresentado esta semana, na SMX Advanced, em Seattle (EUA), revelou que 80% das respostas fornecidas pelo assistente de voz do Google vieram dos três principais resultados nas páginas dos mecanismos de pesquisa.

O estudo mostrou ainda que 60% dos resultados vieram de trechos em destaque e 70% em geral foram provenientes de recursos da SERP – mecanismo que serve para representar as páginas que exibem os resultados em uma busca na internet.

O estudo também identificou um link comum entre a duração da resposta e o uso como resultado de voz. “Se você pensar em otimizar o parágrafo para a intenção de voz, certifique-se de que sejam cerca de 42 palavras”, observou Olga Andrienko, diretora de Marketing Global da SEMrush.

O que se verificou pelo estudo foi que o resultado médio da voz está em um nível compreensível para uma pessoa de 15 anos. A SEMrush analisou mais de 50 mil consultas em três dispositivos: o Google Home, o Google Home Mini e o Google Assistant, sendo usados ​​em um telefone Android Xiaomi Redmi 6.

Clique para comentar

Deixe suas impressões

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias de Assistentes de Voz

Topo