escuro

Assistentes de voz ganham terreno no setor de RH

Embora ainda em fase embrionária, os assistentes de voz começam a ser utilizados nos setores de recursos humanos das empresas. A análise é da Gartner Inc, empresa norte-americana de pesquisas na área de tecnologia.

De acordo com estudo da consultoria, embora o emprego ainda esteja em fase inicial, a expectativa é que em pouco tempo essas soluções executem tarefas como responder questões de funcionários, fornecer insights sobre métricas e conduzir algumas etapas do fluxo de trabalho.

Até agora a maior parte da utilização desses assistentes virtuais tem sido por meio de chatbots, com o intuito de facilitar a interação com clientes, candidatos e colaboradores.

O uso da inteligência artificial na área de recursos humanos de uma forma mais ampla já acontece de diversas outras maneiras. Segundo a pesquisa, 23% das empresas que usam essa tecnologia já a aplicam com recursos humanos e recrutamento.

Na contratação de funcionários, a inteligência artificial agiliza o processo. Já os programas de “voz do empregado” analisam sentimentos e atitudes dos colaboradores usando técnicas de processamento de linguagem natural e análise textual para acompanhar a saúde organizacional.

Com isso, evitam que pequenas discordâncias se transformem em grandes problemas e ficam mais ágeis na busca de soluções e providências que melhorem o ambiente
cotidiano.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share