escuro

Amazon certifica chip de reconhecimento de fala para Alexa

Os chips podem ser integrados em diversos produtos equipados com a Alexa, o que ajudará a expandir o ecossistema do Amazon Echo

A Amazon anunciou, este mês, a certificação dos chips de reconhecimento de fala da startups Syntiant, que integram a série Neural Decision Processors (NDP). A solução de processadores de voz e áudio, que tem dois modelos, é customizada para trabalhar com redes neurais.

Os chips podem ser integrados em diversos produtos equipados com a Alexa, o que ajudará a expandir o ecossistema do Amazon Echo. Segundo previsão da Counterpoint, o mercado de dispositivos auditivos sem fio sozinho aumentará para 175 milhões de unidades, no mundo, até 2021.

Com a certificação, a Syntiant passa a permitir que os desenvolvedores de dispositivos ofereçam uma experiência de audição Alexa “sempre ativa” integrada até mesmo nos aparelhos mais sensíveis à bateria.

Isso beneficia, por exemplo, fones de ouvido Bluetooth, relógios inteligentes, sensores IoT e dispositivos de controle remoto, além de introduzir controle de voz em outros aparelhos de formato totalmente novo.

De acordo com a Syntiant, os processadores podem reconhecer até 64 palavras ou outros padrões de sensores enquanto consomem apenas 150 microwatts. A empresa conta que esta é uma melhoria de 200 vezes em relação ao que um microcontrolador típico pode oferecer.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share