Siga-nos

Google Assistente não terá mais voz de personalidade

Google Assistente sem voz de personalidade

Assistentes de Voz

Google Assistente não terá mais voz de personalidade

Assistente de voz deixará de exibir a apresentação de John Legend no dia 23 de março, ativada desde abril do ano passado

O Google Assistente deixará de exibir a apresentação de John Legend, cantor e compositor norte-americano, no dia 23 de março, ativada desde abril do ano passado. As respostas do artista são uma mistura de frases gravadas que o assistente de voz pode reproduzir quando relevante e novo áudio gerado pela tecnologia WaveNet do Google para simular sua voz.

Entretanto, isso não significa que a voz de Legend possa ser usada para tudo. A voz padrão ainda é o que o usuário ouve na maioria das vezes, com o cantor entrando apenas em algumas ocasiões.

Embora Legend não pudesse substituir totalmente o Google Assistente, sua participação especial preparou o cenário para que outras celebridades se tornassem a voz de assistentes virtuais.

O Google Assistente adicionou a opção de ouvir a criadora do Insecure, Issa Rae, em outubro. Assim como no caso de Legend, suas respostas são gravadas em áudio, com as vozes padrão do Google Assistente.

Já a Amazon trabalhou com Samuel L. Jackson para criar uma primeira voz de celebridade mais abrangente para a Alexa. Usando a tecnologia de texto para fala neural (NTTS) da empresa, as gravações de áudio de Jackson foram usadas para ensinar a assistente de voz se passar como o ator, independentemente da consulta ou resposta.

Fonte: Voicebot

Clique para comentar

Deixe suas impressões

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias de Assistentes de Voz

Topo