Siga-nos

Compra de dispositivos inteligentes cresce nos EUA

Compra

Casa Conectada

Compra de dispositivos inteligentes cresce nos EUA

Estudo mostra que, em média, os consumidores adquiriram dois dispositivos destinados à IoT

Com o prolongamento da quarentena por conta da disseminação do Covid-19, milhares de pessoas tiveram que readaptar a própria rotina para uma vida dentro de casa. Essa nova realidade também impulsionou a compra de novas tecnologias, mais especificamente os dispositivos inteligentes. De acordo com uma pesquisa encomendada pela Xiaomi, 51% dos consumidores nos Estados Unidos compraram pelo menos um dispositivo para casa conectada. 

O estudo contou com um pesquisa online que entrevistou mil adultos norte-americanos. Segundo o relatório, em média, os consumidores compraram dois dispositivos destinados à Internet das Coisas (IoT) por conta da pandemia. Já os entrevistados da Geração Z, pessoas nascidas a partir da segunda metade da década de 90, compraram em média três dispositivos. 

Além disso, a pesquisa diz que 66% das pessoas mudaram seu modo de vida em casa, para conciliar o trabalho e lazer. Já três em cada cinco entrevistados disseram ter dificuldades em criar um espaço destinado para relaxar ou “encontrar alegria” em casa. 

“Casa conectada e novas tecnologias estão ajudando as pessoas a criarem ecossistemas para resolver novos desafios apresentados pelo aumento do tempo em casa. Seja adaptando ou criando novos usos para espaços antigos, como escritórios ou salas de aula. Ou apenas criando um casa mais simplificada que é mais fácil de gerenciar e controlar”, disse Daniel Desjarlais, gerente de marketing de produto global da Xiaomi.

Fonte: IoT Tech News

Clique para comentar

Deixe suas impressões

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias de Casa Conectada

Topo