escuro
Google Assistente

Google Assistente atualiza a política de segurança

Mudança permitirá que desenvolvedores otimizem o processo de certificação e lançamento dos aplicativos de voz

O Google anunciou nesta quinta-feira, 11 de março, uma atualização na política de segurança das actions do Google Assistente. De acordo com o blog de desenvolvedores do Google, essa nova política das actions permitirá que os desenvolvedores otimizem o processo de certificação e lançamento dos aplicativos de voz.

Além disso, com essa atualização, o Google busca garantir “respostas confiáveis e oportunas” ao fazer um comando integrado com o assistente de voz

Segundo a postagem, todos os dispositivos integrados com o Google Assistente terão características obrigatórias e recomendadas. Por exemplo, o Google exigirá que os aparelhos ar-condicionado tenham comandos de voz mais sofisticados, como a possibilidade de controlar a velocidade do vento. 

A postagem também diz que os requisitos para verificação de usuário secundário também foram atualizados. Assim, caso o usuário emita um comando que coloque o dispositivo em um estado desprotegido receberá uma mensagem de aviso para confirmar a ação. 

O Google confirma que as fabricantes deverão atender esses requisitos até o final de 2021 para continuar usando o selo Works With Hey Google

“Com a implementação de hoje, haverá um período de carência de um mês para os desenvolvedores atualizarem novas integrações para atender aos novos requisitos de política”, diz Toni Klopfenstein, developer advocate do Google.

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
1
Share