Siga-nos

Alexa aposta em experiências mais naturais e imersivas

Alexa aposta em experiências mais naturais e imersivas

Assistentes de Voz

Alexa aposta em experiências mais naturais e imersivas

Para isso, Amazon anunciou 31 novos recursos do Alexa Skills Kit (ASK), entre eles a versão beta do Alexa Conversations

Com um nível de envolvimento com as skills que quase dobrou no ano passado, a Alexa quer ficar cada vez mais amigável para os usuários. E, para isso, a Amazon anunciou na semana passada, durante o Alexa Live, uma batelada de 31 novos recursos do Alexa Skills Kit (ASK), ferramenta voltada para os desenvolvedores. A ideia é facilitar a criação de experiências naturais e de conversação que permitam uma maior interação dos clientes com a assistente de voz.

Segundo post no site de desenvolvedores da Alexa, com o conjunto de novos recursos, é possível, por exemplo, oferecer experiências multimídia imersivas que combinam voz com som, visual e toque ricos, misturando faixas de áudio em tempo de execução e aproveitando tecnologias da Web como HTML5 para jogos.

As possibilidade, de acordo com o post, são muitas, como criar novas experiências que os clientes podem usar em qualquer lugar e retomar sem problemas depois de fazer outra coisa. Ou permitir que os clientes usem suas vozes e seus aplicativos móveis juntos, realizando algumas tarefas apenas com voz e alternando facilmente para sua experiência completa com o aplicativo, quando necessário.

Um dos principais recursos lançados é a versão beta do Alexa Conversations, que é uma nova abordagem orientada por IA ao gerenciamento de diálogos. A solução permite criar skills com as quais os clientes podem interagir de maneira natural e sem restrições.

Segundo o post, ao contrário dos gerenciadores de diálogo tradicionais, com a versão beta do Alexa Conversations, é possível codificar ou mesmo identificar todas as diferentes maneiras pelas quais os clientes podem interagir com uma skill. Em vez disso, você fornece um conjunto de caixas de diálogo de exemplo e como elas são mapeadas para serviços específicos em sua skill.

O Alexa Conversations (beta) aplica aprendizado profundo para extrapolar os muitos caminhos possíveis de diálogo que os clientes podem usar e usa esse aprendizado em tempo real para gerenciar automaticamente as interações com o cliente. Isso inclui acompanhar o estado, manter o contexto, aceitar correções orientadas ao cliente e, em seguida, chamar seus serviços no momento certo. O iRobot e a Philosophical Creations já estão usando o Alexa Conversations (beta), por exemplo.

“O Alexa Conversations promete ser um avanço para os desenvolvedores e criará ótimas novas experiências para os clientes”, diz Steven Arkonovich, fundador da Philosophical Creations. “Atualizamos a skill Big Sky com o Alexa Conversations, e agora os usuários podem falar com mais naturalidade e mudar de ideia no meio da conversa. A IA da Alexa mantém o controle, tudo com muito pouca informação do meu código de skill”, acrescentou.

Clique para comentar

Deixe suas impressões

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias de Assistentes de Voz

Topo