escuro

IA pode agregar mais valor para economia

Um estudo recente da Accenture, empresa de serviços profissionais, mostra o impacto que a adoção da inteligência artificial pode trazer para o crescimento da América do Sul. Após analisar cinco economias do continente, a análise concluiu que a tecnologia tem o poder de aumentar as taxas de crescimento anuais em até um ponto percentual.

Segundo dados do estudo, a inteligência artificial pode aumentar o Valor Agregado Bruto (VAB) da economia brasileira em US$ 432 bilhões, em 2035, valor 0,9% em relação ao cenário de linha base.

A maior parte do valor, apontou o trabalho, virá do aumento da capacidade de mão de obra e do capital, com US$ 192 bilhões; US$ 166 bilhões do canal de automação inteligente; e US$ 74 bilhões, do canal de difusão da inovação. No caso brasileiro, um exemplo é a melhoria que a tecnologia pode trazer em todas as áreas do serviço público, do transporte ao controle de doenças.

“A inteligência artificial oferece à América do Sul uma oportunidade há muito aguardada de dar um salto rumo a maiores níveis de inovação, produtividade e progresso socioeconômico”, observa Armen Ovanessoff, diretor principal da Accenture Research. O estudo analisou o impacto da inteligência artificial nas economias do Chile, Argentina, Colômbia de Peru.

Veja a íntegra do estudo

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share