escuro

Sistemas de voz em alta nos carros

O uso de sistemas de reconhecimento de voz está na rota de alta nos automóveis. A IHS Markit, consultoria norte-americana, estima que, este ano, 120 milhões de carros serão equipados com essa tecnologia. Em 2018, esta base atingiu a marca de 40 milhões de veículos. Empresas como a Amazon e a Google trabalham no desenvolvimento de dispositivos para funcionarem em carros, sem a necessidade de estarem instalados em um celular. A evolução da tecnologia de reconhecimento de voz permite que os motoristas emitam uma gama maior de comandos usando a fala natural.

Projetado para manter os olhos dos motoristas na estrada, os assistentes pessoais com inteligência artificial podem executar uma variedade de funções, desde o gerenciamento de calendários até a colocação de pedidos de compra. Quando sincronizado com dispositivos de casa inteligente, o software também pode ligar o termostato, desligar as luzes e trancar as portas a quilômetros de distância.

“Apple CarPlay e Android Auto estão disponíveis até nos modelos mais baratos agora”, diz Ed Kim, vice-presidente da empresa de pesquisa automotiva AutoPacific. “Eu imagino que dentro de cinco anos, a grande maioria dos veículos novos terá alguma forma de reconhecimento de voz.”

Na corrida para ocupar mais espaço nos painéis dos automóveis, Google, Amazon e Apple não estarão sozinhas. O mercado já tem montadoras que partiram para desenvolver suas próprias soluções. É o caso da Mercedes-Benz e da BMW, cujos sistemas estão previstos para este ano.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share