escuro

Agentes virtuais vão responder por US$ 1,2 trilhão, até 2030, estima Gartner

Até 2030, os agentes virtuais vão responder por um volume de negócios de US$ 1,2 trilhão, representando 24% do valor global derivado da movimentação financeira com o uso da tecnologia de inteligência artificial. A estimativa é da pesquisa “Forecast: The Business Value of Artificial Intelligence, Worldwide, 2017 2025”, elaborada pelo Gartner para mediar o impacto da tecnologia na produção bruta da indústria.

Segundo o relatório, em 2017, o valor chegou a US$ 300 bilhões, o que significou 43% dos negócios baseados na inteligência artificial. Além dos agentes virtuais, o estudo do Gartner outros itens: suporte/tomada de decisão, automação de decisão e produtos inteligentes.

O segmento “agente” inclui agentes virtuais que “permitem que as organizações corporativas reduzam os custos de mão de obra à medida que assumem solicitações e tarefas simples de call center, help desk e outros agentes humanos de serviço, enquanto entregam as questões mais complexas aos seus colegas humanos”, explicou o relatório.

O relatório destaca que, hoje, muitas tarefas de rotina estão sendo automatizadas. “Podemos esperar que a complexidade dessas tarefas aumente à medida que a inteligência artificial amadureça. Isso também deve permitir a expansão do número de organizações que usam agentes virtuais”, apontou o documento.

Fonte: Venturebeat.com

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share