Siga-nos

Apple reforça privacidade da Siri

Assistentes de Voz

Apple reforça privacidade da Siri

Novo recurso opt-in explícito e o para deletar dados foram incorporados na versão beta do iOS 13.2

A versão beta do iOS 13.2 incorpora duas novidades para proteger a privacidade dos dados dos usuários da Siri. Uma delas é um aviso de opt-in para a revisão da amostra de áudio para a assistente de voz. O recurso ficará explicito para os usuários que queiram ter clipes de comandos transmitidos para a Apple com o objetivo de ajudar a melhorar a compreensão dos comandos.

Outra mudança é um novo recurso Delete Siri and Dictation History, que permite ao usuário excluir todos os dados que a Apple tem em sua lista de solicitações da Siri. Se os dados forem apagados dentro de 24 horas após uma solicitação, o áudio e as transcrições não estarão disponíveis para classificação.

Além do recurso opt-in e do Delete Siri and Dictation History, a política da empresa traz outras regras. Por exemplo, as transcrições geradas por computador continuam a ser utilizadas por todos os usuários da Siri. Na forma de texto sem áudio, elas foram dissociadas da identificação de informações pelo uso de um identificador.

Outro item é que as transcrições de texto podem ser revistas por empregados ou contratados. A terceira é que qualquer usuário pode optar por não autorizar as transcrições.

Segundo informações do site TechCrunch, a atualização está disponível em versão beta para iPadOS 13.2, iOS 13.2, Apple tvOS 13.2, WatchOS 6.1 e MacOS 10.15.1.

Clique para comentar

Deixe suas impressões

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias de Assistentes de Voz

Topo