escuro
assistentes virtuais

Assistentes virtuais: taxa de contenção chega a 64%

Pesquisa também constata que para 99% dos consultados uso da tecnologia trouxe aumento de satisfação dos clientes

As empresas que utilizam assistentes virtuais têm uma taxa média de contenção, ou seja, sem a necessidade de envolvimento humano, de 64%. O dado faz parte do estudo IBM Institute for Business Value, chamado de “O valor da tecnologia de agente virtual“, com mais de mil corporações, de 12 setores de 33 países, que usam a tecnologia em seus negócios.

A pesquisa mostrou que para 99% dos consultados o emprego dos assistentes virtuais de inteligência artificial houve aumento de satisfação dos clientes. Segundo 94% dos líderes que conduziram os projetos, o retorno do investimento já foi atingido ou superaram as expectativas, contra 49% dos outros entrevistados.

O uso da tecnologia contribuiu para um aumento na receita da empresa de, em média, 3%, apontou a pesquisa. Para Egle Menezes, líder de Cognitive Process Transformation para IBM Services na América Latina, o estudo valida o que estamos vivenciando com clientes na América Latina.

“Aqueles que apostaram na IA para otimizar suas centrais de relacionamento já estão colhendo resultados expressivos, como custos reduzidos, melhor experiência do usuário e do agente humano e aumento da receita”, contou Menezes.

Segundo a pesquisa, a experiência do cliente é o motivador mais importante do uso do assistente virtual para 46% dos “líderes” no uso da tecnologia e para 33% dos outros entrevistados.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share