escuro
Google Nest Hub

Google Nest Hub recebe sistema operacional Fuchsia

Nova versão manterá a mesma interface e usabilidade do smart display

Após anos de desenvolvimento, o Google lançou oficialmente nesta terça-feira, 25 de maio, o sistema operacional Fuchsia para a primeira geração do Google Nest Hub.

Anunciado pela primeira vez há cinco anos, o Fuchsia OS substitui o Cast OS, sistema baseado em Linux. Essa mudança, no entanto, não afetará a interface e a usabilidade do smart display. Isso porque para a nova versão o Google está usando o Flutter, um kit de desenvolvimento capaz de padronizar os aplicativos nas múltiplas plataformas.

Apesar de parecer um update pouco necessário, segundo o Google, o novo sistema operacional é capaz de otimizar o funcionamento do smart display. 

De acordo com Hiroshi Lockheimer, vice-presidente sênior de ecossistemas do Google, a empresa também poderá usar o Fuchsia para explorar soluções de casa inteligente.  

“Não se trata apenas de telefones e PCs. No mundo da IoT, há um número crescente de dispositivos que requerem sistemas operacionais e novos tempos de execução e assim por diante. Acho que há muito espaço para vários sistemas operacionais com diferentes pontos fortes e especializações”, disse Lockheimer. 

A atualização que trará o Fuchsia para o Google Nest Hub está disponível para os usuários inscritos no Preview Program, chegando gradualmente para todas as pessoas nos próximos meses. Já que o novo sistema é idêntico ao anterior, é provável que os usuários não notem que o dispositivo está rodando o Fuchsia. 

Fonte: 9to5Google / Android Police / The Verge

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share