escuro
Casa Inteligente

Google anuncia novidades para casa inteligente

Google Home vai representar o ecossistema de casa inteligente da empresa, que terá, em 2022, um novo Google Home Developer Center

O Google anunciou nesta quinta-feira, 21 de outubro, durante a segunda edição do Google Smart Home Summit, uma série de novas ferramentas que ajudarão os desenvolvedores de casa inteligente a criarem integrações com o Google Home e o protocolo Matter.

Apresentado pela diretora sênior de produto do Google Smart Home, Michele Turner, o primeiro grande anúncio do evento foi o novo nome para toda a plataforma de casa inteligente: Google Home.

Apesar desse título já ser conhecido pela grande maioria dos usuários, os desenvolvedores trabalham com diferentes serviços para  fazer os dispositivos funcionarem com o Google Nest e Google Assistente.

Assim, com o recém-intitulado Google Home, o desenvolvimento para configuração de dispositivos, recursos de automação, controle de voz em dispositivos Android e Nest estarão reunidos em um só lugar. 

“Isso não muda a marca Nest ou qualquer marca de casa inteligente do Google com a qual você está familiarizado, mas traz a nossa plataforma e ferramentas juntas sob o mesmo teto”, disse Michele Turner.

Google  1
Imagem: Reprodução

Apesar da integração do nome Google Home, um dos principais destaques da apresentação foi a integração com o protocolo Matter. Com previsão de chegar ao mercado apenas em 2022, o Matter promete revolucionar o setor de casa inteligente, pois conta com um programa capaz de padronizar os dispositivos domésticos inteligentes para qualquer assistente de voz. 

O projeto é uma parceria entre grandes empresas de tecnologia, como a Apple, Amazon e Google. Com isso, os produtos com o certificado “Matter” serão compatíveis com a Alexa, Apple HomeKit, Siri, Google Assistente e Samsung SmartThings. Além dessas marcas, outras 200 empresas também fecharam parceria com o projeto. 

Durante o Summit, a empresa reforçou o compromisso de apoiar o Matter e o protocolo Thread (rede mesh de baixa potência) em todo o seu ecossistema.

Google 2
Imagem: Reprodução

Google Home Developer Center

Com previsão para ser lançado no próximo ano, o novo Google Developer Center contará com ferramentas para todo o processo de desenvolvimento de automações. Segundo Michele Turner, ele será como um painel central para tudo que for relacionado à casa inteligente do Google. 

“O Google Developer Center terá tudo o que é necessário para conhecer e criar dispositivos, apps e automações de casa inteligente com o Google”, destacou Michele.

Entre os recursos disponíveis está um SDK do Google Home Device, que permitirá construir e integrar os dispositivos com padrão Matter de forma mais rápida. Confira na imagem abaixo as principais funções mencionadas:

Google 3
Imagem: Reprodução

Pelo que foi revelado durante a apresentação, os usuários de dispositivos integrados com o Matter poderão incorporar um ou mais aplicativos de ecossistema com o aparelho. Ou seja, após parear com o Google Home ou HomeKit, por exemplo, será possível usar o assistente que desejar. 

Além disso, outra novidade anunciada são as Rotinas Sugeridas no aplicativo Google Home. Assim, os fabricantes de dispositivos poderão criar rotinas personalizadas para automatizar a casa, podendo ativar por voz, hora ou sensor de movimento. 

Imagem: Reprodução

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
1
Share