escuro
Google Home

Google quer tornar mais fácil criar soluções para smart home

Google Home Developer Center, previsto para 2022, vai reunir ferramentas, soluções e estudos de casos para os desenvolvedores

Ajudar os desenvolvedores a criar, de forma fácil e ágil, melhores experiências para a casa inteligente. Eis o caminho que o Google planeja seguir com o lançamento, no início de 2022, do Google Home Developer Center, que vai contar com um pacote de ferramentas para o desenvolvimento de dispositivos, aplicativos e integrações com o Google Home.

Na prática, o Google Home Developer Center vai funcionar como o ponto de entrada para o desenvolvedor encontrar todos os recursos de que precisa para interagir com o Google Home, que voltou a ser o guarda-chuva da empresa para o ecossistema de casa inteligente.

“Agora estamos embarcando em uma nova era de casa inteligente com base nos padrões abertos que estamos criando junto com os desenvolvedores”, observou Michele Turner, diretora sênior de Gerenciamento de Produtos do Google durante a segunda edição do Smart Home Developers Summit esta semana.

E um bom motivo para apostar na evolução da casa inteligente é a criação do projeto Matter, protocolo que dará ao usuário flexibilidade de uso dos dispositivos em vários ecossistemas. O Matter, iniciativa que envolve mais de 200 empresas, tem o seu lançamento previsto para o próximo ano.

“Com o Matter, os usuários poderão escolher os dispositivos, tendo como base a experiência doméstica que desejam criar, sem se preocupar se haverá compatibilidade com o ecossistema”, comentou Marco Cavalli, gerente de Produto Nest.

Novas ferramentas

Os produtos Matter, explicou Cavalli, poderão ser controlados pelos usuários com dispositivos Nest, o aplicativo Google Home, Android e o Google Assistente. E, para isso, o Google terá novas ferramentas para suportar o Matter.

E o caminho para transformar o ambiente da casa inteligente é dotar os desenvolvedores de todos os recursos, que estarão disponíveis no Google Home Developer Center, estruturado em duas partes.

A primeira delas é o site, onde o desenvolvedor vai conhecer as ferramentas, estudos de casos e o caminho para fazer a integração dos dispositivos, por exemplo. A outra área é o Play Console, no qual o desenvolvedor poderá criar, testar e lançar suas próprias integrações em um fluxo guiado com documentação avançada.

Segundo Cavalli, pela primeira vez o console, que serve para a integração com o Google Home, vai permitir que o desenvolvedor crie, teste e inicie rotinas, fazendo com que os usuários descubram mais maneiras de usar seus dispositivos diretamente no Google Home.

“Por enquanto, nada muda no programa de casa inteligente do Google. Continuem usando as ferramentas atuais, pois suas integrações com a API de casa inteligente, o SDK e a configuração integrada continuarão a funcionar por muito tempo”, disse Michelle.

Conheça algumas das ferramentas

Com o objetivo de facilitar e agilizar a criação de novas soluções para casa inteligente, o Google apresentou no Smart Home Developer Summit uma série de ferramentas para os desenvolvedores.

Elas estarão disponíveis no Google Home Developer Center. Veja um resumo de algumas das ferramentas apresentadas pelo Google.

Google Home Device SDK – é uma ferramenta que busca acelerar o desenvolvimento do Matter com o Google Home, complementando a implantação do código aberto. A solução é compatível com vários tipos de dispositivos, permitindo a incorporação de outros equipamentos.

Google Home IDE – é uma extensão do Visual Studio Code, criada para desenvolvedores incorporados ao programa de casa inteligente do Google. Oferece acesso fácil às ferramentas atuais para desenvolvedores, facilitando testes e integrações com o Google Home.

A solução permite fazer a digitação diretamente no Google Home IDE, se o desenvolvedor não quiser usar o Google Assistente.

Test Suite – é uma ferramenta da Web que permite testar a implementação, gerando um plano de teste automatizado para os dispositivos. É executado na integração com o Google Home.

Smart Home Analytics – a solução é destinada a verificar métricas, fazendo a coleta dos registros dos dispositivos dos usuários. É um conjunto de ferramentas disponíveis no Google Cloud Platform.  

Google Home Playground – permite aos desenvolvedores criarem uma casa e dispositivos virtuais por meio de uma interface de web fácil de usar em poucos minutos. Com dispositivos virtuais criados com alguns cliques, é possível testar e conhecer suas funcionalidades.

Total
35
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
35
Share