escuro
Amazon Alexa

Cortes da Amazon podem afetar negócio de dispositivos com Alexa

Analistas destacam que houve indicações recentes de que a empresa está repensando o futuro da assistente de voz em sua estratégia

A partir dessa semana, a Amazon pode iniciar um processo de demissão de até 10 mil funcionários, o que representa 1% do seu quadro de empregados, segundo um novo relatório publicado pelo The New York Times.

De acordo com o documento, os cortes da Amazon provavelmente se concentrarão nos negócios de dispositivos, incluindo os produtos com a Alexa. A unidade registrou perdas operacionais de US$ 5 bilhões em anos recentes.

Alguns analistas de mercado destacam que houve indicações recentes de que a Amazon pode estar repensando onde o Alexa e como os dispositivos originais se encaixam em suas prioridades. Para eles, a tendência é que a Amazon reduza os investimentos feitos nessa linha de produtos.

Amazon Alexa

No entanto, a empresa, ao responder ao relatório do The Wall Street Journal, na semana passada, manifestou otimismo com o futuro da Alexa. O relatório do WSJ mencionava os possíveis cortes na linha de dispositivos integrados com a Alexa.

“Estamos tão otimistas sobre o futuro de Alexa hoje como sempre estivemos, e continua sendo um importante negócio e área de investimento para a Amazon”, comentou Brad Glasser, porta-voz da Amazon, em entrevista para o The Verge. Segundo ele, a empresa está “pesando as mudanças” no negócio de dispositivos.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share