escuro
Amazon

Amazon divulga finalistas do Alexa Prize TaskBot Challenge

Competição busca estimular a criação de chatbots que conduzam a conversa de uma forma mais natural

A Amazon anunciou nesta quarta-feira, 26 de maio, as 10 equipes finalistas do Alexa Prize TaskBot Challenge. As universidades escolhidas estão baseadas na Ásia, três da Europa e seis dos Estados Unidos. 

O desafio tem como objetivo desenvolver sistemas que auxiliem os usuários na conclusão de comandos voltados para reforma da casa e culinária. De acordo com a Amazon, o Alexa TaskBot busca estimular o desenvolvimento de chatbots capazes de conduzir o diálogo de uma maneira mais aprimorada. Assim, será possível fazer pedidos mais complexos para Alexa durante a interação.

As 10 equipes escolhidas são: Carnegie Mellon University (EUA), Ohio State University (EUA), Texas A&M University (EUA), University of California Santa Barbara (EUA), University of Massachusetts (EUA), University of Pennsylvania (EUA), National Taiwan University (China), NOVA School of Science and Technology (Portugal), University of Glasgow (Escócia) e University College London (Inglaterra).

Para a realização da pesquisa, cada equipe receberá uma bolsa de US$ 250 mil, dispositivos integrados com a Alexa e serviços de computação em nuvem Amazon Web Services (AWS). 

A competição terá a duração de um ano e os vencedores serão anunciados em junho de 2022. A equipe que ficar em primeiro lugar receberá um prêmio de US$ 500 mil. Já as equipes colocadas em segundo e terceiro receberão US$ 100 mil e US$ 50 mil, respectivamente.

Alexa Prize SocialBot Grand Challenge

Em paralelo ao TaskBot Challenge, está acontecendo a quarta edição do SocialBot Grand Challenge. A competição conta com oito equipes universitárias que estão competindo para criar bots que possam conversar de maneira natural e imersiva com o usuário por 20 minutos sobre uma variedade de temas, como entretenimento, esporte, política e moda. 

As oito universidades participantes são: Emory University (EUA), University at Buffalo (EUA), Stanford University (EUA), University of Southern California (EUA), University of California (EUA), Moscow Institute of Physics & Technology (Rússia) e Czech Technical University (República Checa).

Os vencedores serão anunciados em agosto deste ano e a equipe vencedora receberá um prêmio de US$ 500 mil. Já as equipes em segundo e terceiro lugar receberão US$ 100 mil e US$ 50 mil, respectivamente

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share