escuro
McDonald’s

McDonald’s leva tecnologia de voz para 10 drive-thrus

Solução permite que os clientes façam os pedidos sem a necessidade de um contato humano

O uso de assistentes de voz tem se tornado cada vez mais comum entre as empresas de setores mais tradicionais, como o alimentício. O próprio McDonald’s começou a expandir o uso da tecnologia em 10 drive-thrus ao redor do estado de Chicago. 

O CEO da empresa, Chris Kempczinski, anunciou a novidade durante a Conferência de Decisões Estratégicas da Alliance Bernstein, ampliando o programa piloto iniciado em 2019.  

A tecnologia de voz utilizada pelo McDonald’s permite que os clientes façam os pedidos sem a necessidade de um contato humano. De acordo com Kempczinski, a precisão do assistente de voz é de 85%, sendo que, aproximadamente, 20% dos pedidos ainda exigem um humano para tomar nota.

Foto: Divulgação

Já que o uso dos assistentes de voz ainda está em período de testes, o CEO diz que os funcionários também são treinados a não interromperem a IA no primeiro deslize, para que a tecnologia aprenda com os erros.

“Agora, há um grande salto entre ir de 10 restaurantes em Chicago para 14.000 restaurantes nos EUA com um número infinito de variações promocionais, de menu, de dialeto, clima”, disse Kempczinski.

Durante a pandemia da Covid-19 o uso de drive-thru tornou-se um dos principais enfoques das redes de restaurantes por conta do acesso limitado ao atendimento presencial. De acordo com uma pesquisa do NPD Group, houve um aumento de 22% nos pedidos drive-thru em 2020 

Além do McDonald’s, outras empresas de alimentação têm utilizado a tecnologia da voz para facilitar a interação com os clientes. É o caso do KFC, que adotou a Alexa desde o início de 2019 para que os usuários possam conhecer o menu e fazer os pedidos sem precisar sair de casa.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
0
Share