Siga-nos

Apple é a empresa que mais adquire startups de IA

Apple

Inteligência Artificial

Apple é a empresa que mais adquire startups de IA

Analista da GlobalData diz que aquisições buscam melhorar o processamento da Siri

A Apple é a empresa que mais investe em inteligência artificial (IA), segundo constata um levantamento recente feito pela GlobalData. De acordo com a pesquisa, a companhia adquiriu mais empresas de IA do que qualquer outra entre 2016 e 2020, estando à frente de nomes como Google, Microsoft, Facebook e Accenture.

Ao todo, a Apple comprou cerca de 25 startups, enquanto o Google, por exemplo, comprou 14. Segundo Aurojyoti Bose, analista de Fundamentos de Negócios da GlobalData, a IA tem se tornado uma área de foco para as principais empresas de tecnologia. Dessa forma, a onda de aquisições é resultado de uma competição em busca de dominar o setor da inteligência artificial. 

Nesse período entre 2016 e 2020, somente Apple, Google, Microsoft, Facebook e Tencenet, combinados, compraram 77 startups de IA.  

Segundo Nicklas Nilsson, analista sênior da Equipe de Pesquisa Temática da GlobalData, a Apple tem intensificado a aquisição desse tipo de empresas com o objetivo de melhorar as capacidades da Siri. Ele menciona que a startup de machine learning Inductiv foi comprada para aprimorar os dados da assistente de voz. Já a startup Voysis foi adquirida para melhorar a compreensão da linguagem natural. 

“A Apple fez uma maratona de compras tentando alcançar o Google e a Amazon. A Siri foi a primeira no mercado, mas está consistentemente abaixo dos dois em termos de “inteligência”. Em parte justifica o motivo pelo qual a Apple está muito atrás nas vendas de smart speakers”, diz Nicklas Nilsson. 

Além disso, o especialista comenta que a Apple fez a aquisição da startup Xnor.ai para melhorar o processamento dos wearables, mantendo assim sua posição de destaque no mercado de smartwatches.

Clique para comentar

Deixe suas impressões

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais notícias de Inteligência Artificial

Topo